DECIDINDO A MINHA VIDA

Escrito por Pr. Daniel Junior
Avalie este item
(3 votos)
Certamente você já ouviu o dito popular “Filho de peixe peixinho é,” o que você pensa a esse respeito? Na Koinonia desse semana vamos observar a história de um jovem rei que decidiu não ser influenciado pelos exemplos negativos, perversos, imorais e idólatras cometidos pelo seu pai Acaz; um homem muito ruim, perverso e desobediente a Deus.

Veja a dimensão de seu envolvimento com a idolatria, Acaz chegou ao ponto de sacrificar um dos seus filhos vivos no fogo em oferecimento ao deus Assur, a entidade maior dos Assírios naquele tempo. Segundo o coração de Deus seria esse pai um exemplo positivo para Ezequias?

Tenho seguido bons ou maus exemplos? Quem são as minhas referências e influência de vida com Deus?

 

Vejamos o exemplo da sábia decisão do ainda jovem Ezequias.

2º Reis 18 “No terceiro ano do reinado de Oséias, filho de Elá, rei de Israel, Ezequias, filho de Acaz, rei de Judá, começou a reinar. Ele tinha vinte e cinco anos de idade quando começou a reinar, e reinou vinte e nove anos em Jerusalém. O nome de sua mãe era Abia, filha de Zacarias. Ele fez o que o Senhor aprova, tal como tinha feito Davi, seu predecessor". Ezequias enxergou em Davi a referência que ele precisava para ser alguém relevante em sua geração. O jovem rei renunciou todos os maus exemplos de seu pai entre outras gerações de sua família pois o seu desejo maior foi o de estabelecer sua relação de intimidade com o Deus de Israel.

 

Veja quais foram as suas primeiras decisões em seu vitorioso reinado:

2º Reis 18.4 Removeu os altares idólatras, quebrou as colunas sagradas e derrubou os postes sagrados. Despedaçou a serpente de bronze que Moisés havia feito, pois até aquela época os israelitas lhe queimavam incenso. Era chamada Neustã.

 

Todo o pecado que você tolera lhe afastará da presença de Deus. Ezequias definitivamente quebrou todas as alianças com o passado idolatra e pecaminoso de seu povo decidindo confiar apenas em Deus e como resultado o Senhor esteve com ele. 2º Reis 18.5 Ezequias confiava no Senhor, o Deus de Israel. Nunca houve ninguém como ele entre todos os reis de Judá, nem antes nem depois dele. Ele se apegou ao Senhor e não deixou de segui-lo; obedeceu aos mandamentos que o Senhor tinha dado a Moisés.

 

Se realmente tenho o desejo de viver o melhor de Deus em todas as áreas da minha vida, logo descobrirei que terei que seguir apenas os bons exemplos, terei que olhar sempre com mais atenção para o trigo ao invés de observar e até copiar exemplos negativos dados pelo joio. Se o nosso alvo é agradar a Deus precisamos todos os dias renunciar os maus exemplos. O meu presente e futuro vitorioso em comunhão com a presença de Deus está intimamente ligado a isso.

 

Observe alguns dos resultados da sabia decisão de Ezequias em seguir os exemplos de Davi e não de Acaz. 2º Reis 18 7 o Senhor estava com ele; era bem-sucedido em tudo o que faziaGuerreou contra o rei da Assíria e deixou de submeter-se a ele. Desde as torres das sentinelas até a cidade fortificada, ele derrotou os filisteus, até Gaza e o seu território.

 

Oremos pedindo a Deus sabedoria para identificar todas as más influencias ao nosso redor e que possamos ter coragem para renuncia-las pois essa é a vontade de Deus para cada um de nós.

Lido 1503 vezes